Google+ Followers

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Historinha no ônibus

Gentileza nesse mundo de hoje é cada vez mais raro. Ainda mais se tratando de jovens, que são meio "avoadinhos". Outro dia, no ônibus, perto de mim tinha um casal de namorados. Era um casal até um pouco fora do comum porque ele é bem maior do que ela (na verdade, quando o vi de pé, percebi que o guri tinha uns dois metros de altura. Eu não batia no ombro dele. Mas ela também é pequenininha). Além disso, ele abraçava ela de uma maneira que a guria mal podia respirar. Confesso que achei que era o tipo da relação em que ele manda e desmanda nela.
Quando me levantei para descer do ônibus, percebi que eles desceriam na mesma parada que eu. De pé no busungão, ela já caminhava livremente, sem a pressão dele. Quando eles sairam do ônibus, ficaram parados na calçada, esperando algo que eu não sabia o que era. Para minha surpresa, era comigo. A menina, gentilmente, me perguntou se eu precisava de algo. 
Recusei, é claro porque, felizmente, não preciso desse tipo de ajuda mas fiquei super contente com a iniciativa deles. Como disse logo no início do texto, gentileza está em falta hoje em dia. E a menina agiu direitinho. Não tomou a iniciativa de me pegar ou tocar. Só perguntou o que eu precisava. Digo isso porque cada PcD conhece seu corpo e suas necessidades. Ela foi muito legal. E é muito bonitinha.Pena que estava com o namorado.

2 comentários: