Google+ Followers

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Roger demitido do Gremio

Meus Amigos, essa notícia vocês já sabem: Roger foi demitido do Grêmio. Que eu tenho amizade com ele, já contei aqui. Não gostaria de estar escrevendo porque, se um técnico do teu time foi demitido, normalmente, é porque a equipe não está bem (principalmente no Brasil). Demissão de amigo, então, pior ainda apesar de saber que, um dia, isso fatalmente iria acontecer.
O mais legal dessa passagem do Roger no Grêmio é que eu, na condição de ter um pouco mais de intimidade com ele, pude conhecer um pouco mais dos bastidores do Grêmio e aprender um pouco mais de futebol. Por exemplo, num jogo do Brasileiro do ano passado  (acho que contra o Fluminense), Roger estava suspenso. Perguntei, por whats, quem iria substituí-lo. Coincidentemente, momentos antes, Roger tinha recebido a informação de que recebeu efeito suspensivo e me passou a notícia. O grande público só ficou do efeito suspensivo na manhã seguinte.
Ontem, me surpreendi com um whatsapp dele me agradecendo por ter escutado as aflições dele. Na verdade, não fiz nada demais. Só conversei com um amigo sobre um assunto que adoro. Mesmo assim, me senti lisonjeado com a atitude dele.
Eu também gostaria de parabenizá-lo por ter pedido demissão. Foi um atitude muito hornada de sua parte. A grande maioria dos treinadores esperaria ser demitido para pegar o dinheiro da multa rescisória. Roger abriu mão desse dinheiro.
Roger, obrigado pela confiança como amigo e pelo esforço como profissional. Continuarei na torcida por ti, você sabe disso. Só não pode ir para o Inter porque aí seria demais para o meu pobre coração tão sofrido nos últimos anos.




 
     

Nenhum comentário:

Postar um comentário