Google+ Followers

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Eu vou à Copa do Mundo

Gente, vocês sabem da minha paixão por esporte. Apesar da minha deficiência física, sempre gostei de particar alguma atividade esportiva e tive a sorte de ser incentivado pelos meus pais e professores. Já joguei futebol; basquete e volêi e já pratiquei natação e judô. Natação, continuo praticando (aliás, a minha temporada no IPA terminou ontem) e, de vez em quando, ainda jogo um futebol.
Foi dessa minha paixão por esportes que surgiu a vontade de me tornar um jornalista. Cresci assistindo a equipe da Band na década de 80 e era fã de carteirinha do trabalho deles. São poucas as modalidades que não gosto.
Gostando muito de esportes e de televisão, sempre adorei grandes eventos como Olímpiadas, Jogos Panamericanos e Copa do Mundo. Fico ansioso pela chegada dessa época quando posso ficar horas na frente da TV vendo esportes.
E agora teremos a Copa do Mundo no Brasil. Resolvi realizar meu sonho, entrar no site da Fifa e concorrer a dois ingressos. Dei sorte porque pedi ingressos para pessoa com deficiência e esses tiveram baixa procura (é preciso comprovar que tem deficiência para os malandros não se aventurarem). Então, consegui os dois ingressos. Verei França e Honduras (com Ribery e Benzema) e o jogo das quartas de final, que deve ser um jogão.
Poderei dizer que sou um privilegiado que, um dia, fui a um jogo de Copa do Mundo. Quero ver como é o auê que tem num jogo de Copa, qual é o público, quem sentará do meu lado, como estará o estádio. Deve ser uma sensação diferente.
Só espero que não botem muito barreiras policiais e dificultem o acesso para deficientes. Imagina ter que caminhar demais para chegar no estádio?
Será um ingresso caro mas um dinheiro bem investido. Posso dizer: eu vou à Copa do Mundo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário